Páginas

segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

SweetSharing :: Expo Barbie & Ken

Aconteceu num shopping de SP, mês passado, essa expo especial Barbie e Ken: Uma história com mais de 50 anos e que já teve algumas idas e vindas...Mas uma coisa é certa, este é o casal mais fashion que eu já vi e o que passou por mais décadas, vivendo-as intensamente.
Os nomes são uma homenagem da criadora Ruth Handler, para seus filhos Barbara e Kenneth.

Eu confesso que até hoje ainda me deslumbro ao ver tamanha perfeição
de detalhes desse mundo pink!
Tenho algumas lindas guardadas! (Aliás faltou nesta expo as Barbies versões Princesas da Disney!
Vou postar no final algumas minhas! - Se algum colecionador quiser comprar, não sei se vendo, mas podemos negociar! hehehe)

Com vocês, deixo imagens da expo, com este casal eternamente jovem!

Timeline love:







Vitrine com inúmeras reproduções célebres:
Barbie especial seriado Baywatch
Ken apareceu no filme Toy Store recentemente, repaginado e super fashion, isso fez Barbie se reapaixonar!
Um sonho de fadas!
Olha a 1ªBarbie ali a esquerda de maiô!
Clássico: Mágico de Oz, Mary poppins, Alice no país das maravilhas!
Glamour pink!
ArquivoX, Crepúsculo, Familia Adams..
Anos 50!!
Esses bonecos da turma do Scooby estão ótimos!
Barbie e Ken em trajes de gala!
All over the world!
Mais clássicos: E o vento levou, My fair lady...
Décadas e mais décadas de moda e estilo!
Que vitrine mais colorida! Anos 80!!
Reis e Rainhas!
Épocas mais antigas.

Agora, meu acervo: As Barbies mais legais e preservadas que restaram da minha pequena coleção:

Alladin e Jasmine; Pocahontas e John Smith!

Mulan e a Barbie Lady Medieval - artigo de colecionador! Olha a perfeição da jóia de rubi!


Princesa Anástacia, um dos sucessos da Fox (correção da leitora Helena)


Pequena Sereia Ariel!! Com rabo removível! Como eu adorava brincar com ela!


Confesso que quando as Spice apareceram eu ainda gostava de brincar de Barbie, daí ainda deu tempo de comprar a Victoria, Geri e Emma, faltaram as Melanies!


A semana Especial Barbie continua...

Classificados B-sides

Classificados B-sides: todas as segundas-feiras posts com
oportunidades na área da moda!

RJ:

vaga: Diretor(a) Comercial
Empresa: Page Personnel http://www.pagepersonnel.com.br
Empresa varejista admite profissional para estruturar todo o setor comercial, realizar gestão de equipe, treinamento de supervisores e vendedores e calcular balanço comercial.
Necessário possuir curso Superior Completo em Administração, Economia, Comunicação ou Moda.
Profissional Pleno


vaga: Gerente de Loja
Empresa: Tyrol http://www.tyrol.com.br
Profissional pleno


vaga: Assistente de Estilo
Empresa: Blue Man http://www.blueman.com.br
Profissional pleno


vaga: Gerente de Loja
Empresa: Tyrol http://www.tyrol.com.br
Profissional Pleno


vaga: Modelista
Empresa: cavendish http://www.cavendish.com.br
Profissional Pleno


vaga: Visual Merchandising
Empresa: Ability Trade Marketing http://www.abilitytrademarketing.com.br
Profissional Pleno


vaga: Estilista
Empresa: Xsite http://www.xsite-fashion.com.br
Profissional Pleno






SP:

vaga: Gerente de Loja
Empresa:Gazar http://www.gazar.com.br
Comércio de confecção admite profissional para atuar com gerencimaneto de equipe de vendas, arrumação de vitrinas, fechamento e abertura de caixa e contato direto com clientes. Necessário conhecimento anterior na função. Local: Alphaville, Barueri/SP.
Profissional


vaga: Estilista
Empresa: Le Postiche http://www.lepostiche.com.br
Comércio varejista admite profissional para atuar com criação e desenvolvimento de produtos exclusivos, munir o departamento de compras de informações e tendências de moda. Necessário possuir amplo conhecimento na área. Necessário conhecimento dos seguintes programas:
Word / PowerPoint /Photoshop /Corel Draw /Internet
Profissional pleno


vaga: Vitrinista
Empresa: Global
Comércio de confecção admite profissional para vestir às peças pilotos para mostrar para a equipe técnica. Necessário amplo conhecimento na área comercial. Local: Lapa, São Paulo/SP.
Profissional pleno


vaga: Modelo de Prova
Empresa: Shoulder http://www.shoulder.com.br
Indústria de confecção feminina admite profissional para fazer prova das peças piloto da marca e rotinas administrativas da área de criação e estilo. Necessário possuir manequim número 40.


vaga: Assistente de Modelista
Empresa: Up Ground http://www.upground.com.br
Confecção de roupas femininas admite profissional para auxiliar o modelista no molde das peças, ajustes, aviamentos, forro de roupas entre outras atividades. Necessário possuir conhecimento em alfaiataria feminina. Local: Jardim Rochdale, Osasco/SP.
Profissional


vaga: Gerente de Loja
Empresa: MMartan http://www.mmartan.com.br
Empresa de confecção de cama, mesa e banho admite profissional para atuar com gestão de resultados, relacionamento com os clientes e desenvolvimento de equipe. Necessário possuir vivência com indicadores de resultados inerentes ao varejo e conhecimento anterior na área de gerencimento de loja. Desejável ensino Superior Completo.



vaga: Gerente de Marketing de Varejo / Atacado
Empresa: New Balance / Kipling / The North Face / Victorinox Travel
Profissional pleno


vaga: Assistente de Compras
Empresa: Regatta http://www.regatta.com.br
Profissional Pleno


vaga: Modelo de Prova
Empresa: Triton e Forum http://www.forum.com.br
Profissional Pleno


vaga: Assistente de Criação
Empresa: Color Story Estamparia e Confecção http://www.colorstory.com.br
Profissional Pleno


vaga: Estágio em Criação
Empresa: Armazém das Roupas http://www.armazemdasroupas.com.br
Empresa de confecção admite estagiário(a) para atuar com desenho de peças no Corel Draw e Manual. Necessário estar cursando Superior no período noturno e residir e estudar próximo a Alphaville. Local: Alphaville, Barueri/SP.


vaga: Estágio em Moda
Empresa: Marisa http://www.marisa.com.br
Empresa de confecção admite estagiário(a) para realizar pesquisas pela internet sobre moda e tendências, captar imagens e fotos para catalogação, fotografar peças selecionadas para coleção, editar e tratar as imagens captadas e auxiliar a coordenadora de Moda e Estilo. Necessário estar Cursando superior na área de Moda, com formação prevista entre Dezembro de 2011 à Dezembro de 2012. Local: Barra Funda, São Paulo/SP.


vaga: Estágio em Loja Online
Empresa: Ultrahaus Comunicação Digital http://www.ultrahaus.com.br
Empresa admite estagiário(a) para atuar na administração de loja online de acessórios femininos, ajudando na rotina diária, na atualização do blog e redes sociais. Necessário estar cursando superior em moda. Bolsa Auxílio: R$ 600,00. Local: Vila Romana, São Paulo/SP
Estágio


vaga: Estágio em Estilo
Empresa: Minha Linda Modas Ltda
Estágio


vaga: Estágio em Produção de Moda / Assessoria de Imprensa
Empresa: http://www.maquinario.com.br
Estágio


vaga: Estagio em Marketing de Moda
Empresa: Turpin http://www.turpin.com.br
Estágio


vaga: Estágio em Moda
Empresa: Lojas Alegria
Estágio





SC:


vaga: Modelista - Malha e Jeans
Empresa: Triton e Forum http://www.forum.com.br
Profissional pleno


vaga: Modelista
Epresa: Lunender http://www.lunender.com.br
Profissional pleno

vaga: Modelista
Empresa: Tex Cotton http://www.texcotton.com.br/
Profissional pleno


vaga: Estilista
Empresa: Tex Cotton http://www.texcotton.com.br/
Profissional pleno

vaga: Desenhista de Estampas
Empresa: Tex Cotton http://www.texcotton.com.br/
Profissional pleno

vaga: Analista de E-commerce
Empresa: Tex Cotton http://www.texcotton.com.br/
Profissional pleno


RS:

vaga: Comprador(a) de Material Indireto
Empresa: Grandene http://www.grendene.com.br
Empresa conceituada do ramo de calçados admite profissional com experiência como comprador(a) de materiais indiretos em empresas de grande porte. Necessário ter Superior completo em Engenharia Mecânica ou Automação Industrial. Desejável conhecimento em metalurgia e ou injeção.


Sobre envio de curriculo: Divulgamos aqui o site de cada empresa empregadora, através dele muitas disponibilizam endereço de email do rh para que você envie seu curriculo, ou algumas trabalham com cadastro no próprio site, sendo assim, é só preencher o formulário com seus dados.

Boa sorte e boa semana!

sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

Listen to the B-sides >> Music in fashion and fashion in music!

Selecionei uma playlist carregada de muito estilo e moda!
Fashion na letra, fashion no clipe, no nome da banda enfim,,,tem moda cantada por toda parte nessas musicas!!
>>Play!!!!

1.Martin Solveig feat. Dragonette - Boys & girls
2.George Michael - Freedom 90'
3.Franz Ferdinad - No you girls
4.Marion Cottilard feat Franz Ferdinand - Eyes of mars
5.Something a la mode - Rondo parisiano
6.Yelle - A cause des garçons
7.David Bowie - Fashion
8.Solo Impala - The fashion
9.The fashion - Starflyer 59
10.End of fashion - The game

O grupo de electropop Dragonette junto com o DJ Martin Solveig, foi feito exclusivamente para promover o perfume MaDame de Jean Paul Gaultier. Martina Sorbara do Dragonette veste a mesma roupa que Agyness usa no comercial.
O clipe tem a participação do próprio estilista, que deixou as filmagens serem feitas em sua loja em Paris.



George Michael encheu seu clipe com as belas modelos em alta nos anos 90: Naomi Campbell, Linda Evangelista, Christy Turlington, Tatjana Patitz e Cindy Crawford


Essa música do Franz foi escolhida pra tocar no comercail do iPod Touch, no clipe modelos com modelos cameras filmam o grupo tocando. Até um "Pantone" verde aparece no meio do clipe!


Perfeita na atuação da Lady Rouge para Dior, Marion também canta muito e neste clipe lançado pela Dior e seus filmesfashions também temos o Franz Ferdinand outra vez! ha Fashion Boys ;)



Este duo chamado Something a la mode já tem a moda no nome e o som demais: Uma mistura de música clássica com eletrônico!
Ainda nessa de parcerias entre estilistas e a música, o grande multi-talento Karl Lagerfeld aparece falando na música e também teve os rapazes em trilhas de seus desfiles na Chanel em 2009.


Neste clipe divertido, a cantora francesa Yelle, aparece num ensaio fotográfico posando para várias capas de revista, as quais os nomes são citados e a solução para foto é bem criativa!

< B-sides da Coleção > Entrevista com a designer de moda Juliana Paiva

@Julianatpaiva, uma das designers mais votadas do Projeto B-sides da coleção!

"Os consumidores vão começar a perceber que não adianta comprar uma regata super barata e saber que crianças estão sendo exploradas por isso. Começarão a questionar de onde vem o produto que estamos oferecendo a eles, se é de qualidade, se o preço está condizente com o produto, se existe uma política ambiental por traz do processo de produção."


Inspirações





1)Quando descobriu que gostaria de cursar moda/ Quando se interessou por moda?

Essa descoberta aconteceu na minha oitava série. Antes eu estava muito ligada à profissão do meu pai (médico) e achava que seguiria seus passos. Estava super enganada! Em algumas palestras que aconteceram no colégio me chamou atenção a de uma mulher que já chamava atenção por si só. Eu amei a palestra e decidi pesquisar melhor sobre essa profissão e foi quando descobri minha paixão por moda.


2)Como é seu processo de criação?

Bom, o processo sempre começa com uma pesquisa sobre o tema, onde vamos encontrar referências conceituais e visuais para nosso trabalho. Depois é preciso encontrar um foco a seguir e as partes mais importantes a serem tratadas na coleção. Então começam os esboços que devem conter essas referências de diferentes formas, depois de várias tentativas escolho os croquis finais prestando atenção na linearidade da coleção e na congruência de formas e cores. É como contar uma história: primeiro você deve gostar, amar e conhecer a história para que seja bem contada. Depois é preciso ressaltar os pontos mais importantes, para que todos possam se empolgar com essa história. E, claro, é necessário que a linearidade e a congruência tomem conta da história, para que todos possam entendê-la e se apaixonar como você.


3)Qual/quais técnicas de pintura/desenho usou no seu trabalho?

Primeiro fiz um rápido esboço dos croquis finais e depois parti para o uso do Corel para dar um acabamento melhor.


4)Que carreira pretende seguir dentro da moda?

Essa é uma decisão bem complicada que ainda não consegui resolver ao certo. Mas posso dizer que até agora minhas ideias ficam entre figurino, moda infantil, jornalismo de moda e, quem sabe, ter minha própria empresa.


5)O que acha do mercado de moda?

Acredito que o mercado como um todo, tanto consumidores quanto empresas e trabalhadores ainda têm muito que aprender. Estamos vivendo momentos de intensa mudança e precisamos mudar nossa maneira de pensar e agir. Não acredito que o fast fashion vá durar muito tempo nessas condições, nossa realidade é outra, é a preocupação socioambiental que deve existir em cada um de nós que estamos dentro desse novo movimento de uma moda mais consciente. Os consumidores vão começar a perceber que não adianta comprar uma regata super barata e saber que crianças estão sendo exploradas por isso. Começarão a questionar de onde vem o produto que estamos oferecendo a eles, se é de qualidade, se o preço está condizente com o produto, se existe uma política ambiental por traz do processo de produção.


6)Uma reclamação para fazer à Moda:

Acho que já fiz, sem perceber.

Mas tem outra coisa importante. Se pudesse conversar com a Moda, como um personagem, diria: Que tal a gente tentar mudar essa imagem de futilidade que as pessoas têm de você? Você construiu isso de alguma forma e eu quero te ajudar a mudar isso aos poucos. Nem que para isso precisemos modificar seu “jeito de vestir”, sua “forma de agir”, até seu nome eu modifico, te chamo de qualquer outra coisa, para que as pessoas esqueçam tudo o que pensavam de você e possam entender a nova era da moda que está se formando.


7)Um elogio para fazer à Moda:

Vou falar com ela de novo: Obrigada por perceber que estava no rumo errado, sei que a maior parte de você ainda está no caminho do consumismo desenfreado, mas uma pequena parte, alguns fios de cabelo, começam a se movimentar e a desviar do fluxo contínuo, não seguem o rumo dos outros fios, ficam como aqueles irritantes fios em pé e eles é que chamam a sua atenção nesse momento, pois estão em pé. Talvez, para organizá-los novamente não vai adiantar pentear, acredito que será mais fácil você virar de cabeça para baixo.




Veja a mini-coleção de Juliana Paiva para a 1a edição do projeto B-sides da Coleção, aqui.
Contato: twitter @julianatpaiva

< B-sides da Coleção > Entrevista com a designer de moda Bruna Bischoff

@BruBischoff , uma das designers mais votadas do Projeto B-sides da coleção


"A Moda é uma área de trabalho infinita, existem milhares de profissões e atividades diretas e indiretas e, a cada dia surgem novas maneiras de se trabalhar neste ramo. A Indústria da Moda tem uma incrível contribuição social fornecendo emprego e sustento para inúmeras famílias ao redor do mundo."



Trabalho de Bruna, entitulado "Manto" : Todo inspirado nos gostos
e personalidade dela. Foi resultado do Projeto Interdisciplinar da terceira fase de sua faculdade.




1)Quando descobriu que gostaria de cursar moda/ Quando se interessou por moda?

Desde os 15 anos queria fazer Corte e Costura e inventar roupinhas pra mim mesma, mas nunca pensava em transformar essa vontade em profissão. Durante o último ano da escola comecei a me interessar por cursos de Moda, mas mesmo assim prestei vestibular para Nutrição e Matemática (ainda bem que não passei!! hehe). No ano seguinte me matriculei no curso de Estilismo e Coordenação de Moda no SENAC-SC enquanto fazia cursinho e, depois desse ano já sabia que era com isso que eu queria trabalhar. Então fiz vestibular para Moda na UDESC e Administração na UFSC, acabei passando e hoje faço os dois cursos.

2)Como é seu processo de criação?

É na tentativa e erro. Depois de estabelecido o tema e concluídas as pesquisas de tendências, materiais, texturas etc. faço mil esboços de todos os jeitos, valendo qualquer idéia maluca! Geralmente os primeiros ficam horríveis, mas aos poucos vou pegando o jeito e sempre acaba bem no final.

3)Qual/quais técnicas de pintura/desenho usou no seu trabalho?

No trabalho para o B-Sides usei a técnica mais básica: grafite simples esfumaçado. É a técnica que eu mais gosto de usar, é simples, prática, fácil e pode resultar em um ótimo efeito de luz e sombra.

4)Que carreira pretende seguir dentro da moda?

Por enquanto, dentro do currículo do curso de Moda, a matéria que mais me cativou foi Modelagem e por isso pretendo me aprofundar nesse ramo e buscar estágios como modelista. Mas também gostaria de trabalhar em áreas que pudesse mesclar Moda e Administração, como supervisão de produção, ou marketing de moda, produção de eventos de moda, etc.

5)O que acha do mercado de moda?

Acho super concorrido! É preciso ser muito profissional, se interessar por várias áreas de conhecimento, não ter preguiça de correr atrás pra aprender, e principalmente ter muita boa vontade e, claro, um pouquinho de “cara-de-pau”. Mas nunca perco o otimismo, acredito que quem procura bastante e faz por merecer consegue achar ótimas vagas!

6)Uma reclamação para fazer à Moda:

Por enquanto a Indústria da Moda ainda não está adaptada aos conceitos de sustentabilidade, e acredito que está longe de vir a trabalhar em equilíbrio com o meio-ambiente.

7)Um elogio para fazer à Moda:

A Moda é uma área de trabalho infinita, existem milhares de profissões e atividades diretas e indiretas e, a cada dia surgem novas maneiras de se trabalhar neste ramo. A Indústria da Moda tem uma incrível contribuição social fornecendo emprego e sustento para inúmeras famílias ao redor do mundo.


Veja a mini-coleção de Bruna para a 1a edição do projeto b-sides da coleção, aqui

Contato: twitter @BruBischoff

< B-sides da Coleção > Entrevista com a designer de moda Renata Vivan

@RehVivan uma das designers mais votadas no Projeto B-sides da coleção!


"“Mas você é tão inteligente, poderia estar fazendo outra coisa.” Não, eu não poderia estar fazendo outra coisa porque a moda não se resume a um evento ou um desfile. É muito mais que isso. É um sistema que alimenta a sociedade capitalista, que alimenta o desejo de renovação das pessoas. A moda é um dos canais pelo qual as pessoas podem se expressar, mostrar quem elas realmente são."


Fontes de inspiração de Renata:


"Os elementos presentes na foto me definem. O cachecol com touca é um trabalho autoral, feito na segunda fase do curso, ele resume bem quem eu sou. Tímida, fechada no exterior, mas dentro da minha zona de conforto, sou extrovertida, engraçada... Sou apaixonada por seriados, assisto em escala industrial, tenho um blog voltado para o assunto, sou colaboradora em outro, e se pudesse, passaria o dia inteiro assistindo séries. Também sou louca por filmes, principalmente os clássicos, mas costumo dizer que gosto de todos, dos bons, dos meio-termos, dos ruins. Os livros me acompanham desde pequena, uma das grandes paixões da minha vida é a leitura. Amo a pop-art, e acredito que meu trabalho é bem influenciado por ela. Os marcadores são a minha técnica favorita. Uma das formas que achei para me atualizar nas tendências, além de sites e blogs, foram as revistas."



1)Quando descobriu que gostaria de cursar moda/ Quando se interessou por moda?

Para ser bem honesta, moda nunca foi uma opção para mim. Eu não conseguia ver nada além de jornalismo, mas quando tive que escolher um curso para prestar o vestibular da UDESC (que não tem o curso de jornalismo), eu tinha certeza de tudo o que eu não queria, exatas e saúde, então comecei a me abrir para a possibilidade dos outros cursos. Acabei escolhendo moda por ser uma área abrangente, que mexe com a criatividade e também porque tenho familiares com negócio na área, mas nenhum com formação acadêmica. Não passei no vestibular de jornalismo da UFSC, então comecei a cursar moda na UDESC, onde eu havia passado, e desde então sou apaixonada pelo mundinho fashion. Hoje não me vejo fazendo jornalismo, ou qualquer outra coisa.

2)Como é seu processo de criação?

É complexo, confuso e bagunçado. Depois da escolha do tema e de muita pesquisa, tenho que ter muitos papéis, fazer muitos organogramas, o que dá uma falsa idéia de organização, e sempre tenho que ter um barulho ao fundo, algo que, a princípio, me roubaria a atenção, como música, televisão, filme... Em um local de silêncio não consigo me concentrar, focar na criação, ou em qualquer outra coisa. Não acredito que qualquer outra pessoa conseguiria entender de onde eu parti e em que lugar cheguei só de olhar as folhas rabiscadas com o tal ruído ao fundo. É uma espécie de caos criativo.

3)Qual/quais técnicas de pintura/desenho usou no seu trabalho?

Utilizei o contorno dos desenhos em lapiseira 0.9mm, pintei os croquis com lápis de cor metálico, destaquei algumas partes com esmalte e finalizei com giz pastel seco.

4)Que carreira pretende seguir dentro da moda?

No momento estou inclinada a seguir a área de imagem e comunicação de moda. Também acho a área de produção muito interessante. Ainda estou avaliando minhas opções, a única área que acredito que não devo seguir é a criação, nunca me interessei muito por ela e não me vejo como criadora de moda.

5)O que acha do mercado de moda?

É um mercado em expansão, a cada dia que passa a moda ganha mais espaço, apesar do preconceito que ainda há contra aqueles que trabalham na área. Mas acredito que isso aconteça devido à precocidade da moda brasileira, que está começando a ganhar identidade. Com o amadurecimento da mesma, os brasileiros entenderão a importância que a moda tem na vida de todos. O sistema de moda é vital para manter a sociedade capitalista.

6)Uma reclamação para fazer à Moda:

Não reclamo do sistema, mas das pessoas que ainda consideram a moda como algo fútil e desnecessário. “Mas você é tão inteligente, poderia estar fazendo outra coisa.” Não, eu não poderia estar fazendo outra coisa porque a moda não se resume a um evento ou um desfile. É muito mais que isso. É um sistema que alimenta a sociedade capitalista, que alimenta o desejo de renovação das pessoas. A moda é um dos canais pelo qual as pessoas podem se expressar, mostrar quem elas realmente são. E é necessário muita inteligência e esforço para se manter no mundo da moda, a quantidade de estudo, pesquisa e trabalho que é exigida de um profissional da área é imensa.

7)Um elogio para fazer à Moda:

Amo o fato de a moda ser tudo isso que ela é, inovadora, poderosa, desafiadora.


Veja a mini-coleção de Renata para a 1a edição do projeto b-sides da coleção, aqui
Contato: twitter @RehVivan

< B-sides da Coleção > Entrevista com a designer Bruna da Rocha

@fashionandcraft o twitter de Bruna,
uma das designers mais votadas no Projeto B-sides da Coleção.

"Desde pequena sempre me interessei por costuras, minhas duas avós eram costureiras e inclusive, a minha avó materna que faleceu recentemente, me ensinou a costurar e bordar quando ainda era criança."


Bruna comercializa bonequinhas artesanais, e define:
"é algo que tem tido muito a ver comigo, pois tem sido o meu ofício e o meu projeto."
Lojinha Online:http://lfshop.tanlup.com


1)Quando descobriu que gostaria de cursar moda/ Quando se interessou por moda?
Desde pequena sempre me interessei por costuras, minhas duas avós eram costureiras e inclusive, a minha avó materna que faleceu recentemente, me ensinou a costurar e bordar quando ainda era criança. Além de customizar minhas coisas desde novinha, na adolescência comecei a customizar roupas e fiz minha primeira bolsa à mão. Depois de customizar um fichário na escola, muitas pessoas me falaram que eu deveria cursar moda e fiquei pensando na ideia, porém, entrei na faculdade de pedagogia e adiei o sonho. Hoje sou formada na área de educação, mas estou doida para voltar a estudar e realizar o sonho.

2)Como é seu processo de criação?
Os primeiros croquis que fiz, foram inspirados nos desfiles da Alessa, mas como tenho criado mais acessórios do que looks, pesquiso bastante na internet sobre o assunto.

3)Qual/quais técnicas de pintura/desenho usou no seu trabalho?
Eu não sei o nome da técnica, mas desenhei com lápiseira e pintei com lápis de cor.

4)Que carreira pretende seguir dentro da moda?
Ainda estou indecisa, mas gosto muito de "sonhar" com as minhas próprias roupas ou em abrir uma grife.

5)O que acha do mercado de moda?
Sinceramente, eu tenho um pouco de receio. Talvez seja por ser formada em pedagogia e não conseguir trabalhar na minha área, tenho muito medo disso acontecer novamente. Ás vezes sinto que é um mercado muito restrito, outras acho que não.

6)Uma reclamção para fazer à Moda:
A difuldade do plus size entrar no mercado de vez. Apesar de terem modelos especiais e etc, ainda existe muito preconceito.

7)Um elogio para fazer à Moda:
A criatividade dos estilistas é algo que me encanta.


Veja a mini-coleção de Bruna para a 1a edição do projeto b-sides da coleção, aqui
Contato: twitter @fashionandcraft

quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

< B-sides da Coleção > Entrevista com a designer de moda Mia Fagundes


@miafagundes , uma das designers mais votadas do Projeto B-sides da Coleção!

"eu percebi o poder que a moda tem sobre as pessoas, como uma roupa pode mudar completamente o humor de um homem ou de
uma mulher."

Um dos trabalhos favoritos de Mia, cujo tema foi "Sociedades do Futuro",
onde ela teve que construir toda uma sociedade em Marte e imaginar como seria a sua moda.
Mia teve uma grande sacada e definiu assim a estética do trabalho:
"No caso, decidi que as "marcianas" seriam carecas e andrógenas (por isso não fiz marcação de seios nos croquis) e, por causa de toda uma filosofia de igualdade entre elas, decidi que as faria sem rosto e sem cor de pele."


1)Quando descobriu que gostaria de cursar moda/ Quando se interessou por moda?
Eu sempre gostei muito de arquitetura, design, artes, história, etc. Quando criança, meus pais acreditavam que eu podia ser qualquer coisa e, como qualquer pai e mãe, tinham as suas preferências. Porém, um dia quando eu estava na sétima série, eu percebi o poder que a moda tem sobre as pessoas, como uma roupa pode mudar completamente o humor de um homem ou de uma mulher. Nesse momento eu entendi que o ramo da moda era aquele que mais satisfaria minha curiosidade antropológica e estética.


2)Como é seu processo de criação?
Meu processo parte da seleção de um tema, que ao meu ver é o cerne que norteia toda a criação. Depois, é necessário fazer o máximo de pesquisas sobre esse tema, realmente respirá-lo, vivê-lo. Depois é preciso definir o público-alvo e pesquisar o máximo que puder sobre ele. Nesse momento, é preciso refinar as informações, selecionando algumas delas de acordo com o comportamento do público, para então criar. Se a coleção tem cinco looks, eu desenho quinze. Minha meta é sempre desenhar três vezes mais, para ter mais opções na hora de decidir os finais. É um processo longo e cansativo, mas realmente funciona.


3)Qual/quais técnicas de pintura/desenho usou no seu trabalho?
Eu usei basicamente caneta nanquim e marcadores Magic Color. Primeiro pintei as peças com os marcadores deixando sempre uma brecha para aparecer o branco do papel, algo que eu acho muito interessante, pois aparenta dar mais movimento no desenho. Depois contornei todo o desenho com nanquim, pintando também blocos de sombreamento nos locais que precisavam.

4)Que carreira pretende seguir dentro da moda?
Sempre tive uma queda pela parte de criação, sempre quis ser designer de moda. Porém, hoje - dentro da faculdade - eu percebi que a área de pesquisa de comportamento e consumo de moda também é muito interessante. Hoje eu estou aberta para aprender mais sobre ambas, não acho que devo me fechar a nenhuma possibilidade.

5)O que acha do mercado de moda?
Acho que é um mercado que está em transformação. Infelizmente, aqui no Brasil não há muito espaço para novos talentos da moda, é um mercado que se apresenta ainda de forma muito fechada, onde - para encontrar uma oportunidade - o profissional deve ter alguma indicação. Porém, nacionalmente o mercado da moda ainda é muito jovem, é necessário que os empresários enxerguem o potencial dos estudantes como designers, pesquisadores, entre outros, não apenas como estilistas.

6)Uma reclamção para fazer à Moda:
À moda eu não tenho nenhuma reclamação, são as pessoas que estragam tudo, não o sistema.

7)Um elogio para fazer à Moda:
A moda é linda e poderosa, se você for pensar ela influencia quase tudo que existe! É maravilhoso pensar que eu posso fazer parte de um sistema assim.


Veja a mini-coleção de Mia Fagundes para a 1a edição do projeto B-sides da Coleção, aqui.
Contato: twitter @miafagundes